sexta-feira, dezembro 30, 2005

ORIGINALE DO BRASIL - The Last!!!!!!

Tema: Restrospectiva 2005!!!O que aconteceu de bom ou de ruim, as mudanças bruscas e/ou as mudanças pequenas, pessoas que conheceu, pessoas que se afastaram... enfim o que aconteceu e o que você espera de 2006?

Bom, a despeito da Micha, o tema desse último post do ano já ia ser esse mesmo... rs... Então, unindo o útil ao agradável, vamos lá:

Primeiro, olhem o que eu encontrei fuchicando os arquivos do meu blog que eu tenho no pc... Essas aqui foram as metas do Ano Novo passado, que eu postei no último post do ano ainda lá np Jululu:

>> Emagrecer de vez (chega de ser iô-iô)
>> Ir bem na faculdade de vez (cansei de ficar indo bem em umas e me f* em outras)
>> Ser menos implicante, teimosa, infatil e egoísta
>> Ter mais paciência, perseverança e força de vontade!!!

(eu mesma, 23 de dezembro de 2004)

Retrospectando (eu inventei isso ou exite??? hehe): O que eu consegui da minha meta?

Emagreci? Não se pode dizer que não. Não perdi todos os 10 kilos que eu queria, devo ter engordado "iô-iômente" (tô criativa hj!) o mesmo 1 kg durante o ano todo, e perdi uns 4 nesses ultimos 2 meses. Melhorou? Um bocado. Pode melhorar mais? VAI. Repito a meta pra 2006? Sim!

Fui bem de vez na facul? NÃO. Mesmíssima coisa de antes. Sim. A facul colaborou nisso? You're kidding, right? 4 meses de greve desanimam qq um.

Fui menos implicante, teimosa, infatil e egoísta? Mais ou menos, mais ou menos, sim, não. Me esforcei muito para isso, fiz grandes progressos. Resultado satisfatório.

Tive mais paciência, perseverança e força de vontade?? Sim, não e sim. Resolvi parar de pedir para ser paciente, pq quem sabe assim param de aparecer situações-pepino para eu testar se ganhei ou não. Força de vontade eu tenho, tenho é largar mão de ser preguiçosa. Hum... Nova meta para 2006: Abandonar a preguiça.

Ééééé... 2005 foi um ano difícil. Várias crises de adolescência atrasadas, decepções (cmg msm, com outros...), muitas brigas com o namorado, mãe doente (é, cancêr... e agora, curada, ainda bem!), muitas noites sem dormir, muitas chateações, saco tão cheio de tantas coisas que por pouco não estoura, enfim, foda. Não foi o melhor ano da minha vida. (Acho que vai demorar para superar 2003: The Year)

2005 foi um ano complicado em muitos aspectos, mas tb teve coisas boas também.

Amigos novos, por exemplo. Na facul, vários amigos novos. Pessoas que eu amei conhecer. Aqui, na net também. Pessoas com as quais me identifiquei pacas, que adorei conhecer, e aguardo para transferi-las para minha real o quanto antes. Amigos velhos, muito amados e essenciais como sempre. Blog novo, o recomeço anunciado que veio para ilustrar o novo período de melhora depois das crises. Cabelo novo, perfeito... rs*! Fim do CCAA (pro bem e pro mal). Livros, músicas, filmes, experiências, aventuras, sabores, sentimentos... tantas coisas... Nem lembro pra listar aqui...

Enfim, foi ruim, mas foi bom. Nessa vida, tudo é válido. O importante é que está indo, quase já foi, e eu continuo aqui, sobrevivi a esse 2005. E, mais uma vez, coloco no último post do ano a msm frase que eu botei desde sempre na última página de todas as minhas agendas, e botei no Jululu, e agora, aqui:

SORRIA !
ABRAÇE UM AMIGO !
COMEMORE !
FAÇA UM PEDIDO !
FELIZ ANO NOVO !
FELIZ ANO TODO !

Feliz 2006 e tudo mais do que bom à todos aqueles que sobreviveram comigo a esse ano!! Um grande beijo, e agora, aos fogos!!!

quarta-feira, dezembro 28, 2005

Eu devo ser muito boba mesmo.

Terminei de ler Harry Potter 6 - "The half blooded prince", tradução torta "e o enigma do príncipe".

Chorei, tá. Chorei no fim. Eu sou mesmo muito emotiva. Ou boba. As duas coisas, provavelmente.

No próximo livro acaba. Poxa, eu gostei muito do Harry. Ele me conquistou, logo de cara, na "Pedra Filosofal", há muitos anos... Eu o acompanhei assiduamente desde sua estréia. Passamos o fimzinho da minha adolescência juntos. E agora está prester a acabar.

Pra mim, ler um livro é muito mais do que apenas compreender as palavras, frases...
É ter um caso, é viver uma paixão platônica, é como uma relação sexual... a gente não quer que acabe nunca, mas sabe que é inevitável...

O ruim é que a gente sabe que vai ser bom, mas que vai acabar, e que nessa hora vamos fikr tristes, ou com gostinho de "quero mais", mas mesmo assim pula de cabeça nesse affair...

O fato é que eu fiquei feliz, pelo Harry, triste pelo Harry, e mais triste por mim mesma, por mais um romance que está para findar, e por tudo isso eu chorei.

Odeio essa fase "pré-fim"... sempre paro de ler quando estou quase lá só para postergá-la...
E é só nessas horas que eu entendo perfeitamente a Clarice...

"Chegando em casa, não comecei a ler. Fingia que não o tinha, só para depois ter o susto de o ter. Horas depois abri-o, li algumas linhas maravilhosas, fechei-o de novo, fui passear pela casa, adiei ainda mais indo comer pão com manteiga, fingi que não sabia onde guardara o livro, achava-o, abria-o por alguns instantes. Criava as mais falsas dificuldades para aquela coisa clandestina que era a felicidade. A felicidade sempre ia ser clandestina para mim. Parece que eu já pressentia. Como demorei! Eu vivia no ar... Havia orgulho e pudor em mim. Eu era uma rainha delicada. Às vezes sentava-me na rede, balançando-me com o livro aberto no colo, sem tocá-lo, em êxtase puríssimo.

Não era mais uma menina com um livro: era uma mulher com o seu amante."

(Felicidade Clandestina - Clarice Lispector)

sexta-feira, dezembro 23, 2005

Tema: Restrospectiva 2005!!!O que aconteceu de bom ou de ruim, as mudanças bruscas e/ou as mudanças pequenas, pessoas que conheceu, pessoas que se afastaram... enfim o que aconteceu e o que você espera de 2006?

Bom, o despeito da Micha, o tema desse último post do ano já ia ser esse mesmo... rs... Então, unindo o útil ao agradável, vamos lá:

Primeiro, olhem o que eu encontrei fuchicando os arquivos do meu blog que eu tenho no pc...
Essas aqui foram as metas do Ano Novo passado, que eu postei no último post do ano ainda lá np Jululu:

>> Emagrecer de vez (chega de ser iô-iô)
>> Ir bem na faculdade de vez (cansei de ficar indo bem em umas e me f* em outras)
>> Ser menos implicante, teimosa, infatil e egoísta
>> Ter mais paciência, perseverança e força de vontade!!!

(eu mesma, 23 de dezembro de 2004)

Retrospectando (eu inventei isso ou exite??? hehe): O que eu consegui da minha meta?
Emagreci? Não se pode dizer que não. Não perdi todos os 10 kilos que eu queria, devo ter engordado "iô-iômente" (tô criativa hj!) o mesmo 1 kg durante o ano todo, e perdi uns 4 nesses ultimos 2 meses. Melhorou? Um bocado. Pode melhorar mais? VAI. Repito a meta pra 2006? Sim!
Fui bem de vez na facul? NÃO. Mesmíssima coisa de antes. Sim. A facul colaborou nisso? You're kidding, right? 4 meses de greve desanimam qq um.
Fui menos implicante, teimosa, infatil e egoísta? Mais ou menos, mais ou menos, sim, não. Me esforcei muito para isso, fiz grandes progressos. Resultado satisfatório.
Tive mais paciência, perseverança e força de vontade?? Sim, não e sim. Resolvi parar de pedir para ser paciente, pq quem sabe assim param de aparecer situações-pepino para eu testar se ganhei ou não. Força de vontade eu tenho, tenho é largar mão de ser preguiçosa. Hum... Nova meta para 2006: Abandonar a preguiça.
Ééééé... 2005 foi um ano difícil. Várias crises de adolescência atrasadas, decepções (cmg msm, com outros...), muitas brigas com o namorado, mãe doente (é, cancêr... e agora, curada, ainda bem!), muitas noites sem dormir, muitas chateações, saco tão cheio de tantas coisas que por pouco não estoura, enfim, foda. Não foi o melhor ano da minha vida. (Acho que vai demorar para superar 2003: The Year)
2005 foi um ano complicado em muitos aspectos, mas tb teve coisas também.
Amigos novos, por exemplo. Na facul, vários amigos novos. Pessoas que eu amei conhecer. Aqui, na net também. Pessoas com as quais me identifiquei pacas, que adorei conhecer, e aguardo para transferi-las para minha real o quanto antes. Amigos velhos, muito amados e essenciais como sempre. Blog novo, o recomeço anunciado que veio para ilustrar o novo período de melhora depois das crises. Cabelo novo, perfeito... rs*! Fim do CCAA (pro bem e pro mal). Livros, músicas, filmes, experiências, aventuras, sabores, sentimentos... tantas coisas... Nem lembro pra listar aqui...
Enfim, foi ruim, mas foi bom. Nessa vida, tudo é válido. O importante é que está indo, quase já foi, e eu continuo aqui, sobrevivi a esse 2005. E, mais uma vez, coloco no último post do ano a msm frase que eu botei desde sempre na última página de todas as minhas agendas, e botei no Jululu, e agora, aqui:
SORRIA !
ABRAÇE UM AMIGO !
COMEMORE !
FAÇA UM PEDIDO !
FELIZ ANO NOVO !
FELIZ ANO TODO !

Feliz 2006 e tudo mais do que bom à todos aqueles que sobreviveram comigo a esse ano!! Um grande beijo, e agora, aos fogos!!!
Originale do BRASIL

Tema: O que o Natal significa para você? Conte o significado dos dias atuais e conte também de quando era como você era criança. Das lembranças boas, das saudades...enfim, conte o que você quiser!

O que o Natal significa para mim? Nhuumm... Já devo ter parado para pensar nisso, mas provavelmente nunca terminei o pensamento...vou (tentar) concluir para vcs então!

Natal é uma festa de família para mim. Na miha concepção de mundo, o "rumo certo das coisas" é passar o Natal com a parentada, revesando entre a materna e a paterna a cada ano. Mesmo na época em que eu pensava que qq ocasião que reunisse aquele povo que tem o msm sague que eu iria ser o mais perfeito tédio e a pior situação possível, da qual eu faria tudo para escapar, eu sempre achei que Natal é sagrado. Natal é família.

Por causa da comida? Não tanto... para isso prefiro a Páscoa, rs... não curto rabanada, fios d ovos e peru. Fico só no tender (se for passar com a família por parte de pai) ou no bacalhau (na famíla da minha mãe), e em geral passo fome.

Por causa dos presentes? HA-HA-HA!! Só teria gostado do Natal até os 9 anos se fosse assim... Garantido msm só de Mamy e Dad, o resto da família deixa bastante a desejar nesse quesito. Uma parte pela situação de vida, o que é absolutamente natural, e a outra pq simplesmente sempre erram no que dão... Não, eu não gosto de roupas com brilhos e pendurucalhos, eu não gosto de bijuterias espalhafatosas e só uso prata/prateados, meu pé não é 37, é 38, não uso calcinhas cavadas, vestidos de malha, rosa-choque, música e perfume é uma coisa extremamente pessoal, tenho mais de 20 pijamas e, please: no more bibelôs de gesso... já passei dessa fase, tenho uma porrada deles e quando eu sair da casa paterna, não pretendo levar nenhum...

Por causa do clima de paz, amor? Pode ser... Essa "hipocrisia" é suportável. Só essa. Faz bem tb, é melhor do que ficar pensando em coisas tristes. Esquecer do mundo é bom d vez enquando.

Por que Jesus nasceu? Não. Nenhuma conotação religiosa nessa data para mim. Só serve para ter mais o que escrever nos cartões que eu dou para a parte crente da minha família. Fica bonitinho e eles ficam felizes. E acabou por aí. Nada contra o recém nascido, ele foi uma pessoa importantíssima na história do mundo, eu respeito muito sua imagem e suas palavras. E respeito mais ainda o seu "feriado mundial", rs...

Por causa das luzinhas? SIIIIM. A cidade fica lin-da. Devia ser assim o ano todo! Eu fico que nem criança admirando!

Por que a minha família é legal e eu morro de rir com eles? SIIIIIIIIM!!!

Por que eu estou crescendo e vejo como são importantes na minha vida e como o Natal é uma data perfeita para demostrar isso? Por que eu os amo e amo ficar com eles? YEEEEEEEEEEESSSSS!!!!!!

Por que assim eu alivio a minha barra e tenho uma desculpa perfeita para poder passar o Ano Novo com os amigos? Muita coisa. (Ano Novo NÃO é festa de família. Os Corrêas e os Nascimentos que me desculpem, mas ele não são - abertamente - a minha primeira r melhor opção para a data. E não sou só eu que acha isso não. Pode perguntar para qq membro da minha geração, parem de me colocar como ovelha negra!P)

Enfim... o Natal pra mim significa Família, felicidade, diversão. Afinal, é uma festa né? Espero sinceramente que todos tenham um ótimo Natal esse ano! Seja lá quais forem as razões para gostarem dele, que elas se confirmem e continuem sendo perfeitas nesse ano, para todos!!

... ... ...

Eu estou indo pro Rio amanhã. Esse ano é na parentada paterna. Vamos fazer, pela primeira vez, um amigo oculto. (Please, Jesus, se essa data é para vc, pelo menos faça com quem alguém de bom gosto tenha me tirado!!)

... ... ...

FELIZ NATAL PARA VCS!!! TUDO DE BOM!!!

terça-feira, dezembro 20, 2005

1ª Lição da semana: Não confie em ninguém totalmente.

2ª Lição da semana: Farinha pouca, meu pirão primeiro.

3ª Liçao da semana: Garanta sempre que seu dinheiro permaneça no seu bolso.

4ª Lição da semana: Não faça favores que não te pediram para fazer. Vc não será reconhecido. Vai ficar na merda e ainda corre o risco de escutar comentários desagradáveis.

5ª Lição da semana: Família é família. E a minha é a melhor do mundo mesmo com todos os pesares.

6ª Lição da semana: Todos os problemas de relacionamento entre irmãos é culpa da presença dos pais. E todos podem ser resolvidos com lanches no MacDonalds.

7ª Lição da Semana: There's just no place like home.

... ... ...

triste porque a falta de competência de uma pessoa frustou meus planos. A coordenadora inútil do CCAA por pura imcopetência acabou por melar meu curso de verão para dar aulas, que seria em janeiro, simplesmente pq não sabia a data em que terminavam as inscrições e perdeu o prazo. Eu quero que ela sofra as mais terríveis dores e amarguras que uma mente pervertida possa imaginar.

... ... ...

Fiz escova progressiva sem formol dessa vez. Ontem. Daqui a 3 dias, quando eu lavar o cabelo e ver o resultado efetivo, digo se fiquei feliz ou não.

... ... ...

Amanhã é o aniversário da minha avó materna - e melhor amiga - Dona Nilce. 70 anos. Ela é linda e muito especial para mim. E eu tô a-guan-do o kibe de forno que ela disse que vai fazer

... ... ...

Meu namorado me faz muito feliz e essa semana foi ótima por causa dele, que graças a Deus passou na faculdade.

... ... ...

Tô de "férias" e voltei para CF hj.

... ... ...

Acabei de matar uma barata aqui. se o post estiver meio confuso é o efeito da luta. Bjos!

quinta-feira, dezembro 15, 2005

A GREVE ACABOU!!!!!!!!!!!!

NÃO TÔ ACREDITANDOOOOOOOOOOO!!!!!

Cambada de professores mulas usando antolhos ... acabar às vésperas do Natal, tem que rir desses sindicalizados ridículooooooossss!!!
Mas o importante é que acabou e agora eu tere reposição de apenas 2 matérias, uma das quais só começa em fevereiro e a outra eu vou pedir pro profº-múmia-fumante compulsiva para me liberar de assitir no meio de janeiro pq afinal, eu estarei em Cabo Frio, gastarei 20 reais para descer p Nkt, pegar engarrafamento, 6 h d viagem de ônibus, sendo que eu já falo inglês muito acima do que o titular do inglês 8 pode imaginar para ter que assistir aquela aula digna de basic 1.1. nobody deserves!

... ... ...

Hoje comprei o sapato das festas que estão chegando - uma rasteirinha linda; assim como o presente do meu amigo oculto familiar de Natal. E estou totalmente lisa pq chegara várias contas e eu tive que pagar por mim e pela Louise.

... ... ...

Estou quase acabando de reler Harry Potter 5... Até que tá legal, da primeira vez que li achei o pior de toda a série. AAgora subiu um pouquinho de nivel...

... ... ...

Gente, tô em Nkt, usando o Oliver que se recusa a abrir mais de uma janela de sites ao msm tempo e tô estudando para as provas que me fizeram reornar do meu balneário. Não sei se vai dar p visitar todo mundo... que droga... mas fica aqui um beijo e uma satisfação: eu não sumi! Bjo!

domingo, dezembro 11, 2005

Quand tu me prend dans tes bas
Quand je regarde dans tes yeux
Je vois que dieu existe
C´ est pas dur croire

- En tus pupilas, Shakira

(Quando você me prende em seus braços
Quando olho dentro dos seus olhos
Eu sei que Deus existe
E não é difícil de acreditar)


Chuvinha caindo tão fina... qual é a palavra mesmo? Acho que é drizziling... palavra meiga, com um som meigo de se ouvir... a música da Shakira é meiguinha também...No MediaPlayer ela está marcada para repetir sem parar, até enjoar... até a chuvinha parar... até a meiguice se esgotar...

Será que ela acaba? Na tv da sala, video de um dia meigo, um 4 de outubro de 97, o meu aniversário de sei lá quantos anos... 9? Cena meiga no Bwana Park: a família brinca com uns filhotes de tigre que estavam lá para serem tratados e depois devolvidos ao dono. Tigrinhos filhotes que parecem gatinhos... meigos, meigos...

...Só uma pessoa faltando na cena, que está longe e ocupada nesse momento...

Domingo meigo de chuva em casa... at last...

quarta-feira, dezembro 07, 2005

nhééééé... (não é engraçadinho quando a gente tenha escrever os nossos "sons"? rs*)...

Sumi esse fds por causa dela, da Clarice, mas até que enfim me livrei dela por completo última segunda... e pq na terça fiz prova de português - tirei 8 (poxa não errei nada, foi só falta de atenção com os detalhes, que m****! Tenho esse problema desde que me lembro e não consigo mudar!)

E tb por preguiça... de escrever, de comentar... vontade de dormir... ressaca de pc

Mas agora voltei... amanhã botarei minha vida virtual mais em dia com todos os meus queridos leitores e amigos...

Hoje meu avô vem aqui prestar uma visita de médico ao 305, cuja máquina de lavar teve uma síncope ontem, justamente quando euzinha estava batendo uma leva de roupas essenciais, que eu tive que enxaguar e torcer, the old fshioned way: manualmente. Gente, o que so eu + um tanque? Que tipo de vida uma pessoa consegue levar sem uma máquina de lavar? Uma vida de trabalho árduo, ou auto-punissão? Como que a mãe do meu namorado consegue, deve ter muita fibra mesmo, tadinha. Eu não existei: quando escutei aquela barulhada e notei os litros de água escorrendo pelo piso da área, tomei a melhor atitude: disquei um interurbano em pleno meio dia para chamar por socorro. Meu Super-Faz-Tudo Avô deve estar estourando por aqui agora...

Essa semana tive muitas ocupações que me deixaram exausta, e influenciaram definitivamente na minha sumida básica, por exemplo: passar tarde de terça feira interia fazendo compras com a família e ganhando vários "presentes" lindos cansa qq beleza...e a minha só vai estar totalmente restaurada mesmo semana que vem, pois os meus dias de cabelo "passado da validade" estão para acabar: marquei escova progressiva (dessa vez sem formol) e tudo será perfeito...

Só falta as aulas acabarem, aí que eu me acustumo de vez com essa futilidade...hehe
* mas só vai acabar semana que vem quando eu terei de me deslocar diretamente do meu balneário para vir p/ Nkt fazer prova da Profª Matildes, vaca mal comia e viúva do Oswald de Andrade, rs...

Oh, uma última informação: URRUUUUUUULLLLLLLLL!!!! A diretora do CCAA me ligou para marcar uma entrevista! Aêêêêê!!! Eu sabia que a mutreta com minha professora não podia me deixar na mão! Sabe o que isso significa? JOB, job, job, job!!!!! Tá, não é um emprego tão garantido assim, mas... Melhor que nada!!!

Té amanhã!

sexta-feira, dezembro 02, 2005

POST COMUNITÁRIO EM EDIÇÃO EXTRAORDINÁRIA

Tema: Qual tipo de Homem ou Mulher que você atrai?Mauricinho ou Patricinha? Comprometido (a)? Ciumento (a) neurótico(a)? Malandrão ou Safada? Aquele (a) que não ta nem aí pra você? Ah, assim como eu, você já encontrou a pessoa certa, mas e o passado? Não teve? Não acredito. Conte dos mais engraçados ou mais bizarros por quem já se deixou envolver.

Ok, vamos lá então. Por mais incrível, inacreditavel e supreendente que possa parecer, o meu relato vai ser super sem graça,com praticamente nada adizer. Qual tipo de homem eu atraio? Ha-ha-ha. Excluindo pedreiro, que qq uma atrai, eu atraio...tipo nenhum...rs...

Como é de conhecimento geral, eu sou uma moça comprometidissíma, e o meu Digníssimo é o meu primeiro namorado. Estamos juntos há 2 anos e 6 meses. Assim, encaixo-me na categoria daqueles que já encontraram a pessoa certa e deveriam assim, falar de seu passado.

Hunf... Que tipo de homem eu atraí na minha vida "pré-namoranda"? Dificíl dizer.

Nos 16 anos em que fui solteira, estreando para o mundo da pegação aos 13, eu posso contar nos dedos das mãos a quantidade de bocas que beijei. Eu nunca gostei de ficar, achava uma atividade fútil e trabalhosa demais para ser tão descompromissada. Dos que fiquei, a maioria eu nem cheguei a conhecer direito, pois fiquei uma vez só, foram ficadas de verão em Cabo Frio, com sua população flutuante de 15 mil pessoas na alta temporada... Eu nunca fiquei mais de uma vez com um garoto qualquer para saber que tipo ele era, mas visto que estavam todos na farra das férias, provavelmente todos se encaixariam no típico "Homem-Galinha" (segundo a Krika: "ele jura que te ama...a sua vizinha tb...a sua prima...a sua mãe e até sua avó se der mole ele traça...mais te ama!" - ou para mim: "ele tá de férias numa cidade entupida e quer bater o recorde de bocas para contar para os amigos quando voltar para casa").

Eu sempre fui meio anta na vida também, passei anos apaixonada pelos diversos tipos de "Homem tá-se" (tá se achando o cara, o fodão, o que pode...mas na verdade é um babaca), e nenhum nunca descobriu, escondi muito bem, e não fiquei com nenhum desses amores.

O que mais dizer? Eu tenho o dobro de amigOs do que de amigAs, sempre achei muito mais fácil fazer - e manter - relacionamentos com eles do que com elas. E depois que você vira amiga deles, pelo menos para os meus, é quase como se você trocasse de sexo. Não vai rolar nunca nada além de amizade, a não ser devido a armações ou a você chegar neles. E como você os conhece bem demais, você acaba achando que é só para amizade mesmo, quem ia querer namorar com eles??? Ou seja, daí concluo que eu atraio "Homem-amigo", a versão heterossexual do "Viado", com direito a chiliquinhos e fofoquinhas. Mas o máximo que eles vão achar de você é que você podia dar um jeito no cabelo, ou que você serve para um primo/colega/parceiro deles.

Segundo a minha querida-amada-e-melhor-amiga, a minha avó, que nunca está errada sobre o que pensa de uma pessoa, vários desses meus "Homens-amigos" ao longo da minha vida foram apaixonados ou "arrastavam asa" para mim, mas eu nem vou citar os nomes, pois nenhum deles nunca se confirmou. Todos esses se encaixariam então, no tipo "Homem mosca de padaria" - ele vive rodando em cima de você mais nunca chega junto. E assim foi...

Uma única e exclusiva vez, aconteceu de alguém se apaixonar por mim. Eu tinha15 anos. o nome dele era Rodrigo. Ele era amigo de uma amiga minha e a gente jogava RPG junto. Era muito legal. Ele era muito legal. Foi uma amizade relâmpago, a mais rápida e legal que eu fiz. Bati o recorde. Em uma semana ele era praticamente o meu melhor amigo "Homem-Amigo", e em duas estava irremediavelmente caidinho pela minha pessoa. E eu? Eu nada. Nada mesmo. Por mais especial que ele fosse como pessoa, por mais tudo-que-uma-mulher-possa-desejar que ele fosse, por mais solteira e na seca que eu estivesse, eu não fiz nada com ele. E ele era mesmo uma pessoa especial, um tipo raro de homem. Seja lá onde ele esteja hoje - posteriormente perdemos o contado, infelizmente - a garota que estiver com ele é uma grande sortuda, pois ele de fato é um "Homem-Anjo": tudo de bom em todos os sentidos, mas, para algumas pessoas - como eu -, pode parecer totalmente assexuado, não te dá vontade de ter nada com ele, só tê-lo para protegê-la. Esse eu realmente atraí pela pessoa que eu sou, não por seu mais uma boca, e é o único que eu me lembro com ternura, que vai ser eterna.

Hum... eu devo ter sorte, pensando assim... os tipo que eu atraí quando não queria ninguém também não queria nada comigo, foi uma "rapidinha" indolor; os tipos que eu me senti atraída, graças ao meu bom Deus não se sentiram atraídos por mim e assim, eu não passei por nenhuma furada amorosa. O tipo que eu atraí e me senti atraída está comigo até hoje...hehe...

Esse último - o meu namoradolindo - era um "Homem-Galinha" da vida que rapidamente se transformou em um grande "Homem-Amigo" meu - já dissem tenho facilidade-, e sendo dessa categoria, somente após uma leve (?hehe?) armação por parte de terceiros, nós ficamos, e ele se tornou um "Homem-Sapo": eu nunca teria dado absolutamente nada por ele, tinha até um certo repudio por ele no âmbito amoroso (achava ele muito feio e sem gracinha para isso!), mas ele virou um príncipe depois do primeiro beijo... e aí... hihihi...aí ele virou aquilo que toda mulher (e todo gay tb) está esperando atrair e conquistar, um tipo único, para o qual não há fórmula, não há descrição, pois cada um o é de seu próprio jeito: o "Homem-da-Minha-Vida".

É isso. Viu, não teve muito a contar. Eu não sou do tipo que chama atenção, daquele tipo atraente-fatal...não sou mesmo. E tá bom assim... Até hoje tenho meus amigos, meu namorado e não tenho ninguém que dê em cima de mim, e vou levando a vida, atraindo para perto de mim pessoas maravilhosas, que eu adoro e que tb me adoram, mas sem malícia...e não tem nada melhor que isso - já que eu não estou procurando mesmo -; atrair amizades.

.......................

>> O Ronaldo, na facul, fez o meu mapa astral e o leu para mim ontem... Não é que os astros estavam de bom humor quando eu nasci? Detalhe: tinha um planetinha lá que praticamente explicava pq eu nunca atraio ninguém, mas como já nem me lembro qual é, não valeu a pena colocar no post... Mas gostei do mapa, fiquei feliz!

>> Hoje vou para Cabo Frio. ÊÊÊÊÊÊ!!!

>> Tô FU#%*@ semana que vem. Tem esse trabalho de Clarice Lispector de cujo grupo de 4 só duas se interessam, e eu tenho uma prova assassina de português da Tia Fabi.

>> Quarta foi a confraternização final da galera do CCAA; Poxa, vai acabar mesmo...mesmo...ATÉ QUE ENFIM!!!!!!!!! Fou muito legal, fomos no 7 Grill e eu comi tanto que - juro - fiqueicom ressaca de comer! Passei malzão de noite, ficou tudo rodando e eu me sentindo meio bêbada, acordei com mó sede, mó cansaço físico, uma dorzinha lá no fundo da cabeça, meio tonta ainda...nossa, que que botaram naquele refrigerante? mas foi maneiro, tirei fotos com o pessoal, ri para caramba, me diverti. Essa galera desse semestre foi super bacana, muta gente nova, muita gente velha, ficamos até bem unidos por tão pouco tempo. énti falta do pesoa lá de CF. A gente era assim também. Saudades... Mas graças a Deus tá acabando essa porra... 7 anos de curso é foda...

>> That's all, folks!