sexta-feira, janeiro 30, 2009

Hoje é o meu último dia em Cabo Frio!! O meu último dia de férias verdadeiras!! ÓÓÓÓÓÓ...

Vão ficar saudades:

Da Praia que eu quae não fui, mas passei em frente todos os dias! É muito bom ver o mar!!!

Da minha canequinha rosa de beber água... das duas, são gêmeas... Eu tenho essas canequinhas há mais de 10 anos, vieram do Rio para CF e eu acho que são o recipiente ideal para beber água... Essas férias fiquei rodando com elas para lá e para cá, pois decidi que o que eu tenho não é fome, é sede - o que se provou bastante eficaz para prevenir os constantes ataques á geladeira.

De poder correr o percurso circular de CF - muito mais agradável do que o vai-e-volta de NKT jamais será... passar olhando o mar, passar pelas mesmas pessoas todos os dias...

Da velocidade da internet - aqui é Velox, muito melhor!

Da bundiação e morgagem constantes...

Da Sky... e de todos os filmes tri-repetidos que eu vi...

Do barulho do Senhor dos ventos e das cigarras... Mas da campainha desparada desde a primeira semana na casa do vizinho-de-verão-que-foi-embora (cujo som jah virou parte do ambiente), não.

De não ter que me preocupar com contas, tarefas de casa, ligar pra faxineira, essas coisas assim de sempre...

... ... ...


Esse fds tvz minha vida seja resolvida no quesito mudança!! Torçam para tudo dar certo!!!

AH e uma EXCELENTE NOTÍCIA!!! Passei naquela prova que eu fiz, do Certificado de Proficiência em Inglês - CPE - o nível mais alto da Univesidade de Cambridge!!! Passei com C - acertei 71% da prova!!! Tô MUUUUUITO FELIZ!!!!

quarta-feira, janeiro 28, 2009

Eu estava com o mó dilema da minha vida:
(Todos que me conhecem pensarao nesse momento: "Lá vem mais alguma futilidade... Lembram do meu último dilema?)

O SHOW DA ALANIS MORISSETE (fã!!!!!), dia 04/02, ia ser no meu primeiro dia de trabalho (aula, pq nos dia anteriores ia ter reunião...). O show vai ser na HSBC Arena (Barra - longe pra caceta - hora do rush pra ir - não tenho carro) e eu já estava sabendo que esse semestre eu ia ficar só em Itaipu (Região Oceânica de NKT - longe pra caceta - hora do rush pra voltar - não tenho carro). O show é só as 22h mas os portões abrem 19h. Saindo de Itaipu 17:30, leva 1hora até o Centro de NKT, uns 30 min para esperar e pegar a Barca, e mais 1 hora e meia de bus até a Barra - sendo otimista. Eu estava assim pensando "Meu Deus vou ficar num lugar pééééssimo e coitado do meu amigo que vai comigo, vai ter que ficar me esperando do lado de fora (pq eu comprei os ingressos no meu cartão e eu que tenho que ir lá retirar no dia, quando eu chegar)... Fora que mó estresse essa "jornada" de bus na hora do rush... Mas tudo bem, afinal é a Alanis" e talz... Mas tava nesse dilema, com medo de dar tudo errado e eu me atrasar muito mais do que o necessário...

Mas eis que uma coisa meio que ruim mas meio que boa aconteceu:

A prova da Pós que quero fazer foi marcada bem pro dia 4 (a oral - a escrita é dia 2) e eu pedi substituição no trabalho, claro, pois a Pós é muito mais importante que o primeiro dia de aula... Ou seja, vai ser ruim pelo vacilo com os alunos e com o curso - sou mestre nisso de ter prova no horário de trabalho, mas que posso fazer - mas vai ser bom porque vai ser jogo rápido - espero e eu sairei bem cedo, podendo assim ir cedo para o Show!! Ae que bom, que legal, pelo menos isso!!!

Em tempo: A prova é para a especialização em LINGUÍSTICA APLICADA: ENSINO/APRENDIZAGEM DE IDIOMAS. (Chique né, bem?) Fui em NKT ontem me inscrever e apesar das confusões da Faculdadebagunçada, deu tudo certo... aproveitei e fui ao Rio comprar o ingresso do show! Ou seja, dilema resolvido! (Viu, esse foi rápidinho)

Agora vem a resolução do outro problema, o do FEED: Gente, vocês se importam de deletar o feed antigo e assinar um novo que esteja funcionando? No Bloglines já aparece esse aqui, ó: http://jululu2.blogspot.com/feeds/posts/default?alt=rss Se inscrevam nesse então? Ou em algum qualquer que apareça que esteja funcionando... Acho que é rudimentar, mas é a solução por enquanto...

UM BEIJO PARA VOCÊS!!

segunda-feira, janeiro 26, 2009

Essa coisa de família é uma coisa engraçada...

Como pode você gostar de um bando de pessoas que são tão únicas e ainda assim tão parecidas entre si, tão parecidas com você? Como podem ser darem mal pessoas que fazem tudo umas pelas outras e se darem bem pessoas que fazem nada uma para os outros? Como que você se sente feliz e triste por pessoas que as vezes você nem vê tanto assim, que você até esquece - sem querer ou querendo? Como pode né, você ter aquele sentimento de "aqui é o meu lugar", você ter a impressão que mesmo aqueles que nunca falam com você ainda assim podem te conhecer melhor do que muitas outras inúmeras pessoas nesse mundo? Tava pensando durante a minha corrida hoje que as vezes vc pensa em alguém da sua família e essa pessoa nem sabe que você se importa ou não, e que o contrário também deve ser verdade...

Essa coisa de família é mesmo engraçada...


E tendo pensado nisso, desejo anunciar que hoje chegou ao mundo mais um integrante da minha família: O PEDRO!!!


Não é a coisinha mais feinha-amassadinha-carinha-de-joelho-vontade-de-espremer da prima??? E tem o "meu" nome! Esclarecendo: Se eu tivesse sido menino, esse nome seria o meu... Gente, esse é o meu primo em terceiro grau!! Aff tem gente que acha que esse nível nem é família mais, mas é sim... Esclarecendo 2: Todo mundo aqui sabe que eu não gosto de criança, mas eu abro uma senhora exceção para todas as crianças da minha família... Meus priminhos de terceiro grau são sempre gracinhas!


Parabéns pra minha prima Mari e pro Alê!!! Muitas felicidades para os três!!!




domingo, janeiro 25, 2009

Ontem então fomos á caça...

Gente, vimos cada apartamento lixo - caindo aos pedaços - e ainda com o preço nas alturas que vocês iam achar que é mentira...

O imóvel que nós queremos tem que ter as seguintes condições:

> Ele tem que estar nessa área aqui:



(E quanto mais no meio dela melhor - como vcs podem ver, onde eu moro atualmente é quase no meio do meio dessa área - nha mas isso vai ser MUITO difícil de conseguir)


> Tem que ter vaga marcada na escritura.

> Tem que ter elevador! É isso mesmo cara-pálida, em Icaraí o que temm de prédio velho sem elevador não tá no mapa... tá nos classificados!!

> 3 quartos e "." (ponto final rs)


.
E após analisar 8 presas, selecionamos três moradias em potencial, marcadas conforme abaixo... e fizemos uma proposta indecente para uma delas - a que conquistou o meu coração, na Alameda Carolina...

O fato é que cada imóvel tem suas vantagens e desvantagens e o que tem que ser pensado não é qual vantagem você quer, é com qual desvantagem você consegue conviver! Mas o da Alameda me conquistou mesmo... Já fiz vários planos, rs...

Outro fato é que a busca nao terminou ainda... semana que vem veremos outras imobiliárias e de repente eu me apaixono mais aindo por outro!!! Ai tô uma verdadeira periguete de apartamento, querendo (ver) tooooodos... rs....

Hoje é domingo (pé de cachimbo, cachimbo é de barro, ... bate no touro, touro é valente bate na gente... ou algo do tipo como eu cantava na minha infância... rs...) e eu devo nadafazer o dia todo, alternando com estudar e ver tv e morgar... Bom restinho de fds pra vcs!!

... ... ...

AH, um MEME, antes de fechar mesmo:

OLHA QUE BLOG MANEIRO!

1- Exiba a imagem do selo “Olha Que Blog Maneiro”.


2- Poste o link do blog que te indicou. = ''[G]ü[R]ÿ at http://amostradoutro.blogspot.com/

3- Indique 10 blogs de sua preferência.

4- Avise seus indicados.

5- Publique as regras.

6- Confira se os blogs indicados repassaram o selo e as regras.

7- Envie sua foto ou de um(a) amigo(a) para olhaquemaneiro@gmail.com juntamente com os 10 links dos blogs indicados para vericação. Caso os blogs tenham repassado o selo e as regras corretamente, dentro de alguns dias você receberá 1 caricatura em P&B.

8- Só vale se todas as regras acima forem seguidas.

Vamos lá, eu indicarei:

1. Micha

2. Lu

3. Advi

4. Van

6. Mere

7. Pri

8. Fabi

9. Bia

10. Lulu

AGORA FUI!!

quinta-feira, janeiro 22, 2009

Algumas pessoas quiseram saber se ele tinha me traído e eu digo logo que esse não foi em absoluto o caso.

Outras quiseram saber quem terminou e eu digo logo que foi ele.

Uma quantidade me perguntou "e agora?" e eu só posso dizer que "E agora o quê?"

Quase todos quiseram saber se tem volta e eu digo de uma vez por todas que eu realmente não tenho respostas para todas as perguntas do mundo.

E tendo assim dito, declaro por encerradas as questões.

.... ... ....

Sabe quando você uma coisa que pensa... "Caraca, essa foi pra mim"... Hj de manhã durante o café e peguei a Revista do jornal O Globo do último domingo, para dar uma folheada básica (adoro ler enquanto como, é mt bom!), e para variar, o Alberto Goldin arrasou na sua coluna, ainda mais quando ele "me disse" duas coisas:

"Quem não tem data certa para morrer nasce todos os dias e cada amanhã é o começo do futuro. Tudo é possível: amar, separar, começar ou terminar."

e

"Nunca existiu o último trem, sempre haverá um próximo. A única questão relevante é acertar o horário da partida."

Bom, queria agradecer a todos aqueles que deixaram uma msg carinhosa ou uma frase de apoio aqui, pelo msn, por email ou pessoalmente... E dizer que não preciso - e nem quero - mais pensar que eu vou sobreviver... e sim que eu já sobrevivi...

E estou correndo, comendo direitinho, estudando, vendo filme, lendo, fazendo tudo direitinho para aproveitar o presente que é cada dia que temos nesse planeta - ainda mais quando estamos de férias, rs...

Ontem sentei o rabo no sofá e vi o resto que faltava da primeira temporada de True Blood... Baixei a temporada inteira e já tinha visto os 4 primeiros na segunda... Ontem, enquanto chovia torrencialmente em CF, fiquei assistindo os outros 8 em seguida... Rs, é muito legal, gostei bastante... pena que falta muito pra segunda temporada!!!

Hoje minha melhor amiga e um grande amigo meu devem vir aqui para vermos umas comédias que baixei, mas ainda não decidimos qual será - nossa tenho tanto filme baixado que tá difícil escolher!!! I could really use a comedy right now... Aff, Juliana, chega de lenga-lenga!!!

O Gury me felicitou por pelo menos ter servido para mudar o lay - realmente tava precisando né, aquele tava velhinho já, rs!!! Mas o próximo mais colorido só será para fim de fevereiro, pq minha querida design de layouts Lu está muitíssimo ocupada realizando o seu sonho de casar e eu é claro que espero até ele ter tempo de novo - sou cliente fiel!

Ah! E esse sábado eu e minha família iremos pra Nkt para o primeiro round de "caça ao apartamento perfeito"... Dessa vez escolhemos todos os da imoboliária Self Imóveis que previamente foram selecionados para ir lá olhar!! Estou animada pra isso, adoro olhar imóveis!!

Então por hoje é só! Um beijo e obrigado a todos pela audiência e pela paciência!!


* UPDATE: Gente, eu tô sem feed? Vcs estão vendo as minhas atualizações no Bloglines e/ou semelhantes? A Advi disse que não tá aparecendo no Bloglines dela... No meu tava, mas agora esse último post tb não apareceu... Alguém sabe como resolver isso?

terça-feira, janeiro 20, 2009

Eu não tenho vergonha de rir, porque teria vergonha de chorar?

É por isso que eu vou desabafar tudo o que eu acho nesse post. Fica a critério de vocês continuarem ou não a leitura. Mas já aviso: É longa e pesarosa.




“Do you know the most surprising thing about divorce? It doesn't actually kill you, like a bullet to the heart or a head-on car wreck. It should. When someone you've promised to cherish till death do you part says "I never loved you," it should kill you instantly. You shouldn't have to wake up day after day after that, trying to understand how in the world you didn't know”


* da personagem Frances, de Diane Lane, no filme 'Sob o sol de Toscana'

“Você sabe a coisa mais surpreendente sobre o divórcio? Na verdade ele não te mata, como uma bala no seu coração ou uma batida dianteira de carro. DEVERIA. Quando alguém a quem você prometeu amar até que a morte os separe diz “Eu nunca te amei,” isso deveria te matar instantaneamente. Você não devia ter que acordar no dia seguinte tentando entender como foi possível que você não soubesse.”


Não, não foi um divórcio, mas quantos casamentos por aí duram menos do que 5 anos? E o meu namoro durou pouco mais de 5 anos, e acabou há 2 dias atrás. Não tão radical quanto a citação da personagem acima, mas com a mesma tristeza. Realmente... quando quem você ama já não te ama tanto assim, o digno seria você cair dura e seca na hora. Mas você não cai. Você não morre de coração partido. Como pode esse mundo ser tão injusto?

Eu sempre pensei que tristeza era uma coisa emocional, mas também já descobri que pode ser uma coisa física. Eu não sabia que tristeza podia dar febre, falta de ar, ânsia de vômito, tremedeira, fraqueza, dor de cabeça, enjôo, cansaço, fora que você pode realmente ficar sem lágrimas de tanto chorar.

E dizem que quando você ama tem aquela coisa de querer que, acima de tudo, a outra pessoa fique bem e talz, mas isso é mentira. Tudo que eu queria agora é que ele estivesse se sentindo pelo menos tão miserável quanto eu, nesse momento – e o que me deixa mais miserável é saber que ele não está.

Mais do que tudo eu me senti decepcionada com ele – mas não o culpo. Ninguém tem culpa... (“Quando a culpa não é de ninguém, então é de todo mundo” – imagino que já tenham ouvido isso...). Decepcionada comigo também, mas com ele barra – eu sempre achei que ele fosse muito melhor e maior do que eu e do que todos os problemas que, como todo casal, tínhamos...

Muito decepcionada como alguém que passa 5 anos antevendo e esperando ansiosamente por uma festa, ajudando na sua preparação, super envolvida na organizaçào e na véspera se descobre não convidada.

Se eu queria que tivesse terminado? Não, não queria. Mas ao contrário do que eu cansei de ouvir inúmeras vezes, nem tudo é do jeito que eu quero.

Se deixei de dizer alguma coisa? Tantas coisas ficaram sem serem ditas, coisas essas que só teriam feito sentido na hipótese do não-término, e coisas que ficarão ainda por um bom tempo rondando o meu pensamento e assim, essas palavras serão silenciadas assim, banidas, exiladas, trancafiadas num baú de ex-possibilidades.

Houve muito silêncio, e esse silêncio ainda vai continuar por muito tempo. Houve coisas que eu não realmente entendi em absoluto. E talvez seja assim mesmo, não tem muito como explicar por que você gosta de alguém e porque você deixa de gostar de alguém. É uma conjunção de fatores, de acontecimentos, de palavras ditas e não ditas, de detalhes essenciais e banais que determinam essas coisas. E falar, dialogar, falar, repetir, gritar, discutir, analisar, falar mais, falar de novo...bom... não é garantido que funcione – como eu venho a descobrir agora.

Enfim, eu estou muito infinitamente triste. E quero muito infinitamente que isso tudo acabe logo.
This too shall pass” – Isso também vai passar.






** Mas tem um lado positivo: Você descobre quem é seu amigo de verdade e quem não é tão seu amigo assim. Descobre que tem gente que gosta muito mais de você do que você imagina, família e amigos. E descobrir isso é sempre uma coisa boa!

** Fui no Show do Elton Jhon, de qualquer maneira. Afinal, de nada ia me valer deixar de ir. E foi muito bom mesmo. Ele verdadeiramente é um senhor cantor e o show foi super animado, atmosfera super gostosa, muito tudo de bom mesmo.

** E eu chorei também – estou chorando aqui – com a posse do Obama. Eu acredito que ele seja um homem bom. Espero que ele realmente tenha possibilidade e meios de mostrar a que veio! Boa sorte!!

sexta-feira, janeiro 16, 2009

E s s e s d i a s . . .



> Tenho acordado e dormido cedo todos os dias. Acho super legal assim, prefiro essa vida, o dia rende muito mais!

> Tenho ido correr logo após o café da manhã por mais ou menos 3km, naquele circuito e o resto eh caminhada...

> Usei com disciplina os cremes anticelulite e gordurinhas localizadas, hidratante, esfoliante facial e fiz massagem nos cabelos tb,

> Comi salada todos os dias e não exagerei no que comi depois das 18h

Agora só falta me pesar para ver se teve algum mínimo resultado... Afinal o casamento da Lu tá aí e eu tenho que caber no vestido que já tenho né... E não é só caber, quero estar bem para deixar a festa da minha amiga com mais uma pessoa bonita, pois ela merece que todo mundo esteja enfeitando e arrasando num momento tão especial!!

No mais, terminei de ler o quarto livro publicado da série Outlander, "Tambores de Outono"... faltam apenas mais 2 para acabar a série, e já estou morrendo de expectativa... Ai meu Deus, o que será de Jamie e Claire, Briana e Roger e o neném deles, Ian e Emily e Rollo e o neném deles, Lorde Jhon, William, Jocasta, Duncan, Bonnet, dos Mackenzie, dos Fraser, dos Índios, do futuro e do passado, das viagens do tempo... Quem vai morrer, quem vai viver, quem vai casar ou enviuvar, quem vai passar por incríveis aventuras... aiaiai meu Deus!!! Falta muito para sair o próximo livro, "Cruz Ardente"... a editora Rocco - cujo site está em manutenção faz uma primeira previsão para o 2o semestre desse ano... Oh Céus, é muito tempo!!!

Agora estou estudando para prova da Pós... Mas não tem muito o que estudar...






E Hoje é o aniversário da minha melhor amiga, a minha irmãzinha de coração!!!
A MÔNICAAAAAAAA!!!!



Te amo, gatinha! Você sabe que é a mulher da minha vida!!! Que a nossa relação de paixão lésbica doentia nunca acabe, dure bem mais que os 10 anos que já temos! Você é a minha irmã de verdade, a amiga da minha alma, mesmo sendo uma pentelha toda certinha e boba que só dá para zuar mesmo!!! Que todos os seus sonhos se realizem e você esteja sempre ao meu lado!!

.

.

.

.

.

E ainda estou brigada com o Ty... E sei lá, não foi como sempre desta vez... Estou muito magoada com ele por diversos motivos e não sei qual vai ser... Se a gente terminar - realmente existe a possibilidade - vou ficar muito chateado porque terei certeza de várias coisas que eu apenas temia...

terça-feira, janeiro 13, 2009

Essa não é mais uma carta de amor
São pensamentos soltos
Traduzidos em palavras
Prá que você possa entender
O que eu também não entendo...
.
Amar não é ter que ter sempre certeza
É aceitar que ninguém é perfeito prá ninguém
É poder ser você mesmo e não precisar fingir
É tentar esquecer e não conseguir fugir, fugir...
.
Já pensei em te largar
Já olhei tantas vezes pro lado
Mas quando penso em alguém
É por você que fecho os olhos
Sei que nunca fui perfeito
Mas com você eu posso ser
Até eu mesmo
Que você vai entender...
.
Posso brincar de descobrir desenho em nuvens
Posso contar meus pesadelos e até minhas coisas fúteis
Posso tirar a tua roupa
Posso fazer o que eu quiser
Posso perder o juízo
Mas com você eu tô tranquilo, tranquilo...
.
Agora o que vamos fazer?
Eu também não sei...
Afinal, será que amar é mesmo tudo?
Se isso não é amor... O que mais pode ser?
Estou aprendendo também...

segunda-feira, janeiro 12, 2009

De volta para Cabo Frio depois...



Checklist:



1. Beijar muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito o meu namorado; OK (not really... we actually had an argument...)



2. Ver "Marley e Eu"; OK L I N D O ! ! ! Chorei taaaaaanto!!! Como sempre, o livro é melhor, mas o filme foi muito gracinha



3. Rever e conhecer novos blogueiros; OK OK OK OK!! Churrasco Blogueiro na casa da Van foi M A R A, realmente muito digno!!! Hauhauhauahuahuahauhauha!!! Revi pessoas que A M O e conheci pessoas que A M E I muitooo: Bia e Daniel... Adorei-os demais... Já estou com saudades de todos!!!



4. Dar um abraço bem apertado no meu amigo oculto, espero que ele goste do presente. NO!

A pessoa que me tirou foi a pessoa mais furona do mundo, sempre lembrada nas ausências com muito carinho... ai, adorei!!! Foi a Pri e eu ganhei um presente "pra combinar com a cidade que ele sempre lembra de mim quando escuta": Um biquino lindo e mais importante: que coube!! urrul!!!

O meu amigo oculto era uma pessoa cujas palavras sempre leio, mas por serem tão lindas sempre me abstenho de comentá-las... Afinal é muito repetitivo ficar dizendo "que lindo!!! adorei!! que show!!! belas palavras!!" ... Enfim... Ele é um homem e assim eu já entrego quem é... Pois o único homem que participou foi o... SÉRGIO!!! Mas o meu amigo oculto faltou!! Não conseguiu o vôo de Maceió e assim eu voltei para casa com o presente e o abraço guardados para serem entregues pessoalmente!!!


E é isso!!! Agora vou descansar pq ainda não consegui desde ontem!!

quinta-feira, janeiro 08, 2009

Parece que o tempo firmou... enquanto escrevo esse posto vejo a penumbra do fim de um dia ensolarado chegando e ouço uma cigarra cantando... Tô poeta hoje, quase uma Advi, rs...

Adoro o som da cigarra... é tão relaxante... não gosto de barulhos altos e estridentes, mas abro uma exceção para a cigarra... sabe como é, né? Depois só no próximo verão...

... Vontade de beber "aquele" copão de suco gelado, sei lá... de morango com laranja e acerola... ou de abacaxi com hortelã... quando era mais nova em CF era de lei ir no cine no sábado e depois ir numa lanchonete - que ainda existe e ainda amo - chamada Pançudo e beber um suco de seja lá o que fosse com hortelã... Cada mistura doida... hauhauaha

Amanhã vou para NKT com quatro coisas na cabeça:

1. Beijar muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito o meu namorado;

2. Ver "Marley e Eu";

3. Rever e conhecer novos blogueiros;

4. Dar um abraço bem apertado no meu amigo oculto, espero que ele goste do presente.

Minha irmã já está lá desde segunda - ela não está de férias, como eu (morra de inveja quando ler isso, Daniele) - e já disse que aquele apê está um nojo, foi deixado de cabeça para baixo pelas outras moradoras que passaram as festas lá e só a nossa santa faxineira para salvar aquele lugar...

Acho que vai ser surreal chegar lá sabendo que os meus dias lá estão contados - as outras moradoras ainda não sabem, só vamos dizer quando oo negócio da venda for completamente fechado e sacramentado - sabendo que dentro em breve vcs não me escutarão mais lamentar pela minha existência em lugar tão deprimente... Já tô completamente em outra, aquilo lá já não é mais parte de mim!! aiai... Respiro aliviada!!!!

quarta-feira, janeiro 07, 2009

O post de hoje é um protesto.

Hoje acordei cedo e fiquei enroland na cama até as 10h praticamente (hey, estou de férias, né?), mas como simplesmente odeio ficar "dormindo" (prefiro morgar no sofá, ir ver tv, dar uma volta pelo quintal, ler uma revista velha ou ver quem atualizou o que na net), levantei e fui tomar café (estou começando a odiar essa vida de café, alomoço, jantar... que comilança... quanto mais eu como mais fome pareçoo ter!), e peguei o caderno "Digital" do Globo do último domingo para ver o que se salvava dessa máquina corrompida e manipuladora que é esse jornal. Qual não é a minha surpresa quando leio um artigo afirmando com todas as letras que aquele "texto é sobre o óbvio: o fim dos livros se aproxima rapidamente."

I was like... WHAT THE HELL?

Entre outros, a reportagem em questão, assim como a que a precedia - sobre uma questão relacionada, a falência e crise nas editoras - clamava que:

1) Neguinho não quer mais comprar livro na livraria, prefere arranjar num sebo, seja ele tanto físico quanto virtual.

2) Neguinho lê o livro e vende por conta própria depois, ou seja, o lucro, ainda que mínimo, é totalmente do revendedor, que está subvertendo a industria, pois quem compra um semi-novo tira o emprego do autor e do publicador e de todos envolvidos no processo.

3) Neguinho cada vez mais lê e-books, ou seja, o livro de papel está com os dias contados e idiota é quem não vê isso. (Sério mesmo, não tá ipsis litteris, mas era exatamente isso que o autor falava!!)

Apresento-lhes, pois, o protesto de uma idiota:

Ora pois, eis que conheço um número absurdo de leitores que se aprazem com a idéia de "ter" um livro... de "possuir" aquele volume na sua estante, de "admirar" a vastidão e beleza de sua coleçao. Estou falando de mim (que vira e volta me pego olhando com orgulho para os meus bebês, lembrando de como foi a primeira vez que li tal obra, como me senti, que felicidade ou tristeza ou crescimento pessoal me trouxe, na melhor maneira "mamãe lembrando da infância do neném"), de muitos membros da minha família e diversos amigos, e vários conhecidos que se assumem como pessoas que gostam de ler. Assim como há casos e casos, há pessoas que gostam de ler e pessoas que gostam de ler. As do tipo mais inflamado - que nao são raras - sentem aquela necessidade de tocar, de cheirar, de bajular, mimar seus livros - temem ter que emprestá-los, temem que se desgastem (há, claro, exceções, como aqueles que exaurem o corpo físico da obra de tanto de enrolarem com ela para cima e para baixo, de tanto agarrá-la e transmiti-la), temem que a editora pare de publicar ou demore na tradução da próxima parte... Eles fazem comunidades no Orkut, mandam email para as editoras, assinam petições e são, em grande parte, amantes do papel.

Não são raros, no entanto, os amantes de papel semi-novo. Afinal, bens por bens, quantas pessoas vc conhecem que compram carros zero? O nosso grande problema é que nunca em nossas vidas teremos dinheiro para adquirir todos os livros que gostaríamos de ler. Da mesma maneira, para a maioria de nós infelizmente o tempo de uma única vida nessa terra também não será suficiente para que cheguemos ao fim de nossas listas, em vista do incomensurável número de novas publicações que saem a cada dia... Claro que quem pode comprar um zero km, compra! Mas a mesma sorte não é por todos partilhada! A pessoa que não tem $ para um novo, tem que economizar mais e consequentemente, demorar mais para ler e comprar, ou seja, no fim das contas, compra menos, também. A pessoa que vende o seu livro normalmente o faz para ter condições de comprar outro - novo ou usado - mas enfim, uma hora o novo sai! Haverá sempre necessidade de imprimir uma nova leva, pois os velhos por fim se desgastam, e as novas gerações precisam de novos exemplares...

Do mesmo modo a questão dos e-books. Eu nunca li um. Conheço pessoas que já e não acho que seja bom nem ruim. Afinal quem não tem carro pega ônibus, táxi, não é mesmo. Tem gente que não pode ter carro e tem gente que não precisa ter carro, e as maneiras alternativas estão aí para isso. Eu particularmente acho carros e livros impressoas absurdamente mais confortáveis e práticos do que van/bus/táxis e livros para ler com a bunda sentada na cadeira/numa única posição ou em posições limitadas/numa tela que machuca a vista/sem poder jogar na bolsa e ler em outro lugar (afinal não é todo mundo que sai por aí com o seu lap ou palmtop para qualquer lugar como pode ser feito com um livro com muito menos prejú no caso de um incidente de qq natureza), emfim... gostos à parte, também não se há de responsabilizar os e-books pelo fim do papel, até porque, cá entre nós, quantas publicações simplesmente não estão disponíveis nessa mídia, né mesmo?

Simplesmente acho um absurdo tudo que estava escrito lá no jornal (e veja bem, era um jornal de papel, pois nem mesmo o advento do jornal eletrônico conseguiu acabar com essa indústria, muito pelo contrário, cada vez mais jornais existem por aí, não levando em conta a qualidade dos mesmos, claro... mas isso quer dizer alguma coisa, não?), e fico revoltada que digam isso! O maior problema real que as editoras enfrentam é que cada vez mais as pessoas gostam menos de ler, e tem menos tempo para ler - e isso sim é uma pena e um triste fim para muitos além de Policarpo Quaresma...

O homem - ser humano genérico desprovido que qualquer raça ou cultura ou posição sócio-politico-econômica - acha que tudo é ou 8 ou 80, mas não é bem assim... O que lemos no pc, na net, no mundo virtual, não é a ruína da mídia física... Nem é a evolução dela... É apenas mais um jeito que encontramos nas nossas vidinhas apressadas para não parar de ler em absoluto... Para alguns pode ter ser tornado a única efetiva maneira de manter o hábito, mas há de se lembrar que se o mundo tivesse apenas 100 pessoas, apenas 1 teria um computador*...

Bom, all in all eu acho que consegui colocar no papel um bocado da minha opinião, que pode parecer simplória mais é minha... e gostaria de saber o que vcs acham do assunto...


Desculpem pelo post G I G A N T E, espero que leiam mesmo... Tem mais uma explanação abaixo a título de curiosidade, mas por hoje é "só"... rs... bjos!





... ... ...





* Caso existissem apenas 100 pessoas no planeta.

Se fosse possível reduzir a população do mundo inteiroem uma vila de 100 pessoas, mantendo a proporção do povoexistente agora no mundo, tal vila seria composta de:

57 Asiáticos
21 Europeus
14 Americanos (Norte, Centro e Sul)
8 Africanos

52 seriam mulheres
48 homens

70 não brancos
30 brancos

70 não cristãos
30 seriam cristãos

89 seriam heterossexuais
11 seriam homossexuais

6 pessoas possuiriam 59% da riqueza do mundo inteiro e todos os 6 seriam dos EUA
80 viveriam em casas inabitáveis
70 seriam analfabetos
50 sofreriam de desnutrição
1 estaria para morrer
1 estaria para nascer
1 teria computador
apenas 1 teria formação universitária

Se o mundo for considerado sob esta perspectiva, a necessidade de aceitação, compreensão e educação aumenta.

Considere ainda: se você acordou hoje mais saudável que doente, você tem mais sorte que um milhão de pessoas que não verão a próxima semana.

Se nunca experimentou o perigo de uma batalha, a solidão de uma prisão, a agonia da tortura, a dor da fome,você tem mais sorte que 500 milhões de habitantes no mundo.

Se você pode ir à igreja sem o medo de ser bombardeado,preso ou torturado, você tem mais sorte que 3 milharesde pessoas no mundo.

Se você tem comida na geladeira, roupa no armário, um teto sobre sua cabeça, um lugar para dormir, considere-se mais rico que 75% dos habitantes deste mundo.

Se tiver dinheiro no banco, na carteira ou um trocado emalguma parte, considere-se entre os 8% das pessoas com a melhorqualidade de vida no mundo.

Se seus pais estão vivos e ainda juntos, considere-se uma pessoa muito rara, mesmo nos USA e Canadá.

Se puder ler esta mensagem, você não está entre os 2 milhões de pessoas que não sabem ler.

Vale a pena tentar:

Trabalhe como se não precisasse do dinheiro
Ame como se ninguém nunca o houvesse feito sofrer
Dance como se ninguém estivesse olhando
Cante como se ninguém estivesse ouvindo
Viva como se aqui fosse o paraíso.

Fonte : Portal das Curiosidades

terça-feira, janeiro 06, 2009




Ah... O Verão!

Ah! O Verão!

Ah... O Verão...

Ah... O... Verão?

Ah... O Verão?

Ah? O Verão?

Ah... Que Verão?




Eu não sei como está onde vcs estão... mas onde eu estou, a foto acima é um exmplo de um dia típico desse Verão que não chega nunca... Eita que coisa mais chata! Aqui em CF só faz chover!!!

domingo, janeiro 04, 2009

Ano Novo na praia velha foi sem gracinha, valendo apenas pela velha família e os velhos amigos... Os fogos até que foram melhores neste ano que o velho prefeito inicia o novo mandato...

Dia 1 só morguei em casa, vendo filmes repetidos com o velho namorado (rs, que nesse dia, passando mal e ferrado de sono no sofá parecia mais um namorado velho, rs)... Ficamos assim... tartarugando o dia todo... até que foi gostosinho demais, rs...

Dia 2 foi o niver do meu pai de 51 anos - Meu dad é uma boa idéia mesmo!!! Velhos parentes velhos e novos vieram para celebrar a data... muito legal tb!! Depois de noite dei uma voltinha com namorado e amigos...

E velhos amigos aliás são sempre a melhor pedida, não é mesmo? Ontem (depois de muitas confisões e brigas com o namorado enrolado-mór - tudo já resolvido, thank God) fui na praia com os meus queridos best friends forever, rs... depois fizemos churrasco na casa de um deles e dei muita risada...

Mas o que eu queria dizer mesmo é a NOVIDADE DO ANO. Aconteceu finalmente algo muito esperado e que vai mudar a minha vida: VOU ME MUDAR DO 305!!! Isso mesmo, pessoas!!! Estavamos há quase um ano tentando vender um apto que temos aqui em CF para concretizarmos o sonho de comprar um em NKT (meus pais planejam num futuro distante retornar a um lugar mais "central" para uma velhice mais prática e desejam um lugar para poderem descansar e fazer de base no caso de visitas à "civilização", além de claro um lugar, uma casa de verdade para eu e minha irmã ficarmos) , e isso aconteceu finalmente ONTEM. Ou seja, está aberta a temporada de caça a um novo lar!!!!!!!!!!!!! IEI!!! URRUL!!!

E é isso... Eu sabia que 2009 não ia me decepcionar!!! Valeu, Ano Novo!!!

quinta-feira, janeiro 01, 2009

Eu amo tudo o que foi,
Tudo o que já não é,
A dor que já me não dói,
A antiga e errônea fé.
O ontem que dor deixou,
O que deixou alegria,
Só porque foi, e voou,
E hoje é já outro dia!!
.
.
Um brinde ao primeiro dia de uma ano maravilhoso que se inicia!!!