terça-feira, janeiro 31, 2012

Produção Artesanal


O meu período de ócio criativo normalmente se dá em Janeiro, quando a quantidade de nada para fazer é tanta que eu preciso fazer alguma coisa na tentativa de dar fim ao nada.

Normalmente eu arrumo armários e estantes de livros - o que é quase um hobby meu. Geralmente nesse período eu revejo a necessidade de roupas e tralhas que eu tenho - como sofro de complexi acumulativo de Hobbit, sempre tem um monte de tralha que eu juntei durante o ano para 'reavaliar'.

Algumas das tralhas eu me desfaço e outras uso como matéria prima nesse momento de ócio criativo. Nesse período, eu gosto de fazer umas coisinhas artesanais. Não, eu não sou uma pesso into artesanato, não de forma extrema, mas eu tenho algumas aptidões artísticas que eventualmente ponho em prática com um resultado altamente satisfatório.

Nessas férias eu produzi duas caixas que amei.

Uma demoooooooorou para fazer, fiquei planejando e realizando por vários dias, pois era a primeira vez que eu atentei tal projeto - uma caixa adornada com bijuterias velhas.

Para tal, usei uma caixa crua de madeira dessas que se compra em loja de artesanato (nem é madeira de verdade aquilo, né) e várias bijus tranqueiras que eu tinha guardadas - algumas quebradas, outras velhas, outras que eu nunca usei porque não gostei, outras que saíram de moda... tinha bastante material. E o resultado foi esse:

Isso sem contar que eu quase a estraguei completamente depois de pronta, né. Quase 2 dias depois de finalizada eu ainda estava com a intenção de envelhecê-la, para qual usaria um produto chamado betume da judéia. Fui lá e comprei o tal treco e passei. Ficou horrível, parecia que tinha caído na lama. Imediatamente após passar, sentei para observá-la com crescente aflição e não tive dúvidas: 2 min depois da pintura taquei a caixa toda dentro do tanque e abri a bica. O grosso do betume saiu logo e o fino eu tirei com aguarrás, e aí precisei envernizar outra vez. Ufa, quase que fiz M, mas consegui salvar!

A outra eu fiz praticamente em 3 dias, a moda ca******, porque eu já tinha feito outra dessas antes e agora não tem mais mistério. Também era bem menor do que a primeira que eu fiz, metade do tamanho, mas ficou uma gracinha, agora eu tenho um conjunto delas... com vocês a minha mais nova caixinha de conchas:

Agora, só porque "não tem mistério" e porque eu fiz "rápido" não quer dizer que não deu uma trabalheira danada. Quando eu digo fiz em três dias isso quer dizer que eu fiquei praticamente 24 horas direto fazendo, só tirando as 8 horas de dormir de cada dia! E não estou contando a manha inteira - de 8 as 12h que eu passei na praia, arriada ao Sol ando conchinhas mínimas para completar os buraquinhos da caixa (sou muito perfeccionista! ) e dando assunto aos turistas que não estavam entendendo qual era a da garota de quatro na beirinha do mar olhando o chão com tanta atenção (uns 4 pararam para perguntar e uma mineira até me ajudou um pouco!)  Mas o trabalho valeu a pena, ficou uma gracinha... envernizei e ela pegou chuva durante a noite (nada é perfeito), o que deivou a madeira um pouco inchada e ela está com um certo desnível na hora de fechar, mas espero que com o tempo, ela seque e se assente.

... ... ... ... ... ... ...

Um adendo...
Quando a gente vê uma foto assim:


É que a gente sabe que a distância para o encontro é totalmente irrevelante em virtude dos momentos que passamos com as pessoas que amamos! O Lual da Loba Mere foi o máximo! Mere, agora nos "enta" com muito orgulho e muita sabedoria e beleza para dar para esse mundo! Parabéns!

sábado, janeiro 28, 2012

Descendo do salto

Eu poderia dizer qualquer uma das opções abaixo:

1. "Oi, tudo bom? Prazer, eu sou a namorada do Ty. E vc é a fulaninha, certo? Poxa, parabéns! Realmente só com muita persistência para ficar soandando e rodeando o namorado alheio como você o faz! Espero que também use tanta determinação no seu emprego, assim você terá uma carreira brilhante, parabéns mesmo!"

2. "Ah, oi, fulaninha, prazer. Quer dizer então que você é a fulaninha que fica dando em cima do meu namorado sem a menor vergonha na cara? Poxa, pena que eu uso todo o meu amor-próprio, senão te dava um pouquinho."

3. "Oi. Fulaninha? Vem cá, você não se cansa de dar em cima de quem não te quer, não? Ser vagaba é tipo um hobbie seu?"

4. "Oi Fulaninha. Eu sou a namorada do Ty e vim aqui te perguntar se você ainda pretende ficar em cima dele muito tempo ou pretende deixar essa carreira de periguete depois que passar na prova da Oab?"

5. "Tudo bom, Fulaninha? E aí, vai demorar muito para você se tocar que essa guerra já está perdida há tipo... dois anos, aliás três? Não tem um outro namorado de alguém que seja mais fácil de para você dar mole?"

6. "Oi, tudo bom? Fulaninha, né? Aqui, tá tão difícil assim arranjar um homem livre por aí que você precise ficar caçando os ocupados?"

 7. "E aí, beleza? Fulaninha, desinfeta do meu namorado porque ele não te quer. Talvez ele seja muito educado para te dizer, então deixa que eu digo: Escuta, piranha, tanto homem solteiro para você vadiar, tenho culpa se você é feia e não consiga?"

8. "Fulaninha, que honra finalmente conhecer uma pessoa tão determinada a roubar o meu namorado! E aí, qual é o gosto do fracasso contínuo?" 

9. "Oi, prazer sou Juliana. E aí, agora que eu estou aqui na sua frente você acredita que ele tem mesmo namorada ou vai precisar que eu puxe os seus cabelos e role no chão com você para que acredite que já tem dona?"

10. "Oi. É você a Fulaninha? Fulaninha, por mais que você ache que tem chance, acredite, você não tem. Pode até ser que ele não fique comigo para sempre, mas não é com você que ele vai ficar."

11. "Fulaninha? Ah, oi! Deixa eu te dizer, você realmente é uma brasileira de verdade! Não desiste nunca de dar em cima do Ty?"

12. "Fulaninha, meu nome é Juliana, eu namoro com o Ty. Pô, ser rejeitada nunca te dá uma depressão, não? Tipo, ver que o homem que você quer não te quer, tá feliz com outra? Deve ser muito triste, né? Ficar sempre buscando contato, sempre alimentando esperanças... é muito difícil, eu sei. Mas eu entendo você, o Ty é realmente um cara muito legal, maravilhoso mesmo. Eu também sou apaixonada por ele, a única diferença é que ele é por mim, também... ops... sorry!"

13. "Escuta aqui, ô Fulaninha, larga de ser carrapata! Ele não te quer!"

14. "Ô Fulaninha, qual parte do 'Ele não te quer' você não entendeu? Quer que eu desenhe?

15. "Oi Fulaninha, eu quero te agradecer por me dar a oportunidade de realizar uma vontade enrustida que eu sempre tive - eu sempre morri de vontade de armar barraco com uma vagabunda que desse em cima do meu namorado! Valeu mesmo. Agora vai catar um homem que te queira porque esse aqui é MEU!"

... mas é claro que eu sou muito elegante para isso! Ah... mas se tivesse oportunidade...

quinta-feira, janeiro 26, 2012

Pego, Peço ou Passo 3



Esse meme é baseado no Pash, Pick or Pass da autraliana Belle, dona do Belle's Bookshelf. O objetivo desse meme é destacar três personagens de um livro/filme que serão encaixados nas três categorias título desse meme, e dizer porque. Enquanto eu estou de férias, e faço também o Meu Namorado No Livro, vou fazer também esse joguinho usando o livro comentado no meme já citado. Vou tentar não usar o Namorado escolhido anteriormente, mas se não houver outras opções no livro, infelizmente terei que repetir.

Na SÉRIE OUTLANDER, eu... 

1) sofro com uma escolha entre três aqui, o que não falta nesse livro é homem bom... tipo, tem vários homens interessantes nessa história!

2) Tenho que contar apenas com o que eu e as leitoras mais fanáticas sugerimos que seriam boas representações para os personagens, enquanto aguardamos que algum dia esse livro vire uma produção para a telona ou telinha com um cast formado!

Assim sendo, eu...
Pego: Ian Murray Junior... ele é sobrinho do meu adorado Jamie Fraser e tem o mesmo espírito escocês galante e valente, só que ele é um moreno-alto-bonito-sensual... E foi morar entre os índios norte-americanos onde ganhou umas tatuagens que devem deixá-lo ainda mais sexy. Desde criança ele sempre fou um personagem que me chamou atenção, sempre teve um jeitinho misto de destemido e inocente. Foi um menino levado, um adolescente querendo ser rebelde e agora é um homem que você quer jogar contra a parede e consolar o tadinho, que já passou por muitas situações ruins e merece uns carinhos calientes...
(Eu acho que o Ben Barnes se parece com o que eu imagino... Ele tem uma cara de menino selvagem/gentil... acho que encaixa bem)

Peço em Casamento: Roger Wakefield MacKenzie... o segundo melhor mocinho do mundo, porque tem que ser um cara muito absurdo de cheio de qualidades para conseguir casar com a filha de um homem como o Jamie - e foi exatamente isso que ele fez. Outro escocês moreno transbordando de charme. Esse é um homem admirável. Ele é totalmente bom moço. Órfão criado pelo tio que era pastor, tem uma voz e uns olhos verdes lindos. E ainda é um bom amigo, marido, amante e pai! Esse é para casar e só digo que a Brianna não é digna de um marido incrível desse!

(Eu o imagino assim, como o  Matthew Goode, com esse olhar assim profundo e expressivo. Não acho que ele  seja um homem grande, sempre penso nele como mais "normal" e menos divindade escocesa)

Passo: William Clarence Henry George Ransom, o filho bastardo de Jamie, criado pelo melhor padrasto gay-enrustido que alguém poderia ter, Lord John Grey - que eu também amo, e é um personagem delicioso! Sei lá, não acho que ele tenha se saído ao pai biológico e nem ao adotivo, tipo, cada capítulo com ele é melhor quando ele está interagindo com qualquer um de seus pais, ele parece uma cópia de uma mistura dos dois, mas deixa a deseja, mesmo sendo gatchééénho.

(Eu acho que o Alex Pettyfer reflete bem a figura dele na minha cabeça. Ele é mais "menino", sabe.)

quarta-feira, janeiro 25, 2012

My Book Boyfriend 3

# Meu Namorado no Livro! 



As REGRAS são as seguintes:

1) Nas quartas-feiras, faça um post sobre um cara ficional que fazem as suas pernas tremerem, seu coração bater mais rápido e você sentir aquele Big T ou ficar sonhando acordada... rs...

2) No seu post, inclua:
- a descrição do personagem e algumas de suas características;
- uma figura/foto de como você o imagina e;
- algumas citações dele que te fizeram derreter todinha (faça a referência do livro e página se possível)

3) Só pode ter um namorado por livro!

 Coloque o button do The Unread Reader no post, e ao postar, vá ao blog da Missie linkar o seu post no gadget que estará disponível lá nos post de quarta-feira. Forneça também um link para a introdução/explicação do meme. Não se esqueça de visitar os outros participantes do Meme!

4) Qualquer pessoa pode participar a qualquer tempo, e não é preciso fazer toda santa semana!


... ... ...

 Essa semana o meu namorado é o cara que me faz subir pelas paredes e querer agarrar meu namorado ao final de cada capítulo, mas não adianta, não há namorado ou homem neste mundo que supere  James Alexander Malcolm MacKenzie Fraser, o Jamie.



Jamie é O herói máximo de todos os tempos. O mocinho dos mocinhos. O galã mais galante, romântico e apaixonado que jamais existirá. Exitem muitos homens que merecem um suspiro longo e profundo, e por quem muitas mulheres enlouqueceriam, mas o Jamie... o Jamie para o seu coração. O Jamie... eu tenho que fechar o livro um pouco para me recuperar das coisas que ele faz e fala. O Jamie me dá uma dor no coração, porque nenhum homem chegaria perto de ser como ele é, e eu tenho que aceitar que um príncipe encantado assim nunca será meu porque nunca nascerá no mundo um homem minimamente comparável...

Ele é escocês gatíssimo e gostosissímo: ruivo, olhos azuiz, alto, forte e corajoso como um viking. Ele é determinado, habilidoso, líder natural, honesto, honrado, fiel, digno, leal e também é um bom homem, religioso, culto, cavalheiro, gentil. Pense numa qualidade que você adoraria ter no amor da sua vida e tenha certeza que o Jamie tem. O homem não tem defeito e ainda assim, não é um chato.

E ele ama taaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaanto a Claire. Ele se entrega de corpo e alma para ela, e ela também o faz. Ai que história mais linda e foda, a deles... cheia de aventuras e paixão! Ele quase morre por ela diversas vezes. Bom, ele quase morre diversas vezes por seus valores e seu amor incontáveis vezes ao longo dos 8 livros da série Outlander, de Diana Gabaldon. A cada livro o homem fica melhor! No último livro, com mais de 50 anos, o cara ainda está tão super tudo de bom!

Ele é tão perfeito que eu não consigo imaginar um ator que se pareça com ele. O Jamie na minha imaginação não tem rosto, ele é tipo um deus, e eu não consigo visualizar ninguém que consiga personificá-lo. O desenho acima é uma ilustração fan-art, que eu acho que talvez possa se assemelhar ao homem. Um dia espero que façam um filme ou uma série com todo o luxo da HBO para esses livros, que são incríveis!





domingo, janeiro 22, 2012

Mania 2

Outra mania que eu tenho é mania de farmácia.
Eu enlouqueço quando entro numa farmácia. Sério. 
Para mim, itens de farmácia é a versão adulta de itens de papelaria.

Eu adoro entrar em papelaria, tem cada coisa linda e eu queria tudo, mas como esses produtos em sua maioria não se encaixam mais na minha vida, eu não tenho como comprar quase nada - apesar de fazer sempre uma comprinha se material escolar todo ano - canetas, lápiz, borracha.. a-do-ro... huuummm... talvez por isso tenha me tornado professora...

Hoje, se eu tivesse motivo, eu teria meio$ para comprar qualquer material que eu quisesse, coisa que na minha infância não era po$$ível por razoõe$ prática$. Infelizmente - ou felizmente - como não tenho esse motivo, eu me realizo entrando em farmácia.

AMO farmácia grande e cheia de produtos de perfumaria. Aqui perto de casa tem uma Droga Raia muito grande, e, sem sacanagem, eu acho que toda vez que entro lá perco quase 1h olhando as coisas. Normalmente eu só preciso comprar uma coisa simples, mas eu saio de lá com no mímimo uns outros quatro ou cinco itens e um gasto que deveria ser de no máximo 5 reais vira 50 fácil, fácil.

Eu fico vidrada em tantas opções de produtos de beleza e higiêne. Se um dia eu ficar milionária, vou gastar toneladas com esses produtos e vou ter um banheiro gigante para armazená-los. Aiai se eu tivesse mais espaço ou dinheiro...

Pois bem, então eu não perco uma desculpa para entrar numa farmácia. Eu vou na farmácia por mim e por quem mais pedir que eu vá. Eu entro toda vez que vejo uma nova. Eu entro toda vez que vejo um cartaz de qualquer produto em promoção. Eu prefiro entrar numa farmácia do que numa loja de roupa. Ás vezes eu entro só porque estou com tempo livre... e sempre saio com uma sacolinha...

Ontem tinha que comprar um pacotinho de absorvente e perdi 40 minutos e ainda comprei outras coisitas más que eu tive que me controlar para não levar muito além do que eu realmente precisava... aiai que vício!

sexta-feira, janeiro 20, 2012

Mania

Minha mãe tem mania de caixinha.
Caixinha, bolsinha, potinho, vidrinho.
Tudo quando é embalagem bonitinha ela guarda.
Eu admito que eu tenho um pouco dessa mania também.
Eu guardo várias embalagens para um futuro improvável uso.

Minha mãe tem mania de limpeza.
Tipo, de muuuuuita limpeza.
E ela limpa tudo.  O tempo todo.
Eu não tenho mania de limpeza, mas eu gosto das coisas limpas, e se precisar, eu limpo.
(E se puder esperar a faxineira, eu espero!)

Eu tenho é mania de tudo em seu lugar.
Na verdade é a mania de que coisas tem lugares específicos.
Mas na verdade é que tem certas coisas que vão melhor em certos lugares.
Alguns objetos são mais legais em algumas posições.
Tem uma organização em especial que torna as coisas mais viçosas, e o meu objetivo é alcançar esse viço.

Eu tenho mania de cabide igual. 
Acho horrível cabides dispares.
Para mim, cabide é preto, metálico ou transparente.
Se preciso de cabide tento sempre achar do mesmo modelo que já tenho, e odeio cabide colorido.
Claro que dá trabalho achar o mesmo  modelo, por isso toda vez que eu vejo, eu compro, mesmo que não precise. Mas também nem preciso mais, pos da última vez que precisei de cabides, comprei uma montanha deles, e agora também me comprometi a não ter mais roupas do que cabides, se eu alcancei o número de cabides que eu tenho, é porque preciso doar algo. É uma boa maneira de manter o controle sobre a quantidade de roupas e cabides que tenho...

Ontem passei a tarde toda arrumando o armário dos meus pais para colocar os conjuntos de cabide juntos.
Uma vez que a minha mãe não tem essa mania, essa arrumação só vai durar uma semana, massss... eu tentei!


quinta-feira, janeiro 19, 2012

Peço, Peço ou Passo 2



Esse meme é baseado no Pash, Pick or Pass da autraliana Belle, dona do Belle's Bookshelf. O objetivo desse meme é destacar três personagens de um livro/filme que serão encaixados nas três categorias título desse meme, e dizer porque. Enquanto eu estou de férias, e faço também o Meu Namorado No Livro, vou fazer também esse joguinho usando o livro comentado no meme já citado. Vou tentar não usar o Namorado escolhido anteriormente, mas se não houver outras opções no livro, infelizmente terei que repetir.

Em Crônicas de Gelo e Fogo, eu...

Pego: Sor Jorah Mormont - Tem uma áurea de mistério,adoro essa coisa "sofri e me fu* por amor" dele. Eu consolava fácil!
 (Só que o Iain Glen não é o que eu imagino. Ele não é tiozinho assim no livro, é mais novo - e mais sexy na minha cabeça)

Peço em Casamento: Khal Drogo... porque depois de pegar uma vez eu ia querer pegar TODOS-OS-DIAS! Por baixo de um corpicho maravilhoso tem um selvagem prontinho para ser domado - na verdade ele é um ursinho carinhoso.
(Fora que o Jason Momoa merece um suspiro lento e profundo por ser essa delícia toda)

Passo: Jamie Lannister - Pode ser o bonitinho galãzinho famoso da história, mas é só um rostinho mesmo, sem conteúdo que me interesse.

(Fala sério, o Nikolaj Coster-Waldau não é a cara do Príncipe Encantado do Shrek? Só falta balançar o cabelo quando tira o elmo, hehehe)

quarta-feira, janeiro 18, 2012

My Book Boyfriend 2

# Meu Namorado no Livro! 



As REGRAS são as seguintes:

1) Nas quartas-feiras, faça um post sobre um cara ficional que fazem as suas pernas tremerem, seu coração bater mais rápido e você sentir aquele Big T ou ficar sonhando acordada... rs...

2) No seu post, inclua:
- a descrição do personagem e algumas de suas características;
- uma figura/foto de como você o imagina e;
- algumas citações dele que te fizeram derreter todinha (faça a referência do livro e página se possível)

3) Só pode ter um namorado por livro!

 Coloque o button do The Unread Reader no post, e ao postar, vá ao blog da Missie linkar o seu post no gadget que estará disponível lá nos post de quarta-feira. Forneça também um link para a introdução/explicação do meme. Não se esqueça de visitar os outros participantes do Meme!

4) Qualquer pessoa pode participar a qualquer tempo, e não é preciso fazer toda santa semana!



... ... ...

Então essa semana, para começar, o MEU NAMORADO NO LIVRO é o meu namorado MAIS RECENTE:
 
Jon Snow, o bastardo inglório de Crônicas de Gelo e Fogo, do meu novo autor preferido, George R. R. Martin.

Jon não é um homem, é um me-ni-no, mas esse anjo eu papava fácil. No livro, ele tem 14 anos e é, como já disse, um bastardo. Criado pelo pai biológico, odiado pela madrasta, amado pelos meio-irmãos, sem saber quem é a mãe (até onde eu li, apesar de eu ter uma teoria!) e sem perspectiva de vida, ele parte para se juntar à Patrulha da Noite, o que eu comparo ultra-superficialmente a uma versão mônaca dos nossos templários na época da decadência. Ele é um menino forte. Corajoso. Inteligente. Generoso. Cheio de habilidades. Um lorde mesmo, pois foi criado sem separação com os outros irmãos, que são todos nobres. Tem personalidade forte, mas tem muitos conflitos internos, no entanto sempre procura fazer o que é certo - um mocinho completo, um homem feito aos 14 anos, o que é possível devido a perspectiva medievalista do livro. 

Masssssss na série da HBO... ele é um GA-TO. O autor se arrepende de ter feito personagens tão novos, e como seria impossível colocar na TV atores tão novinhos fazendo qualquer coisa que tenha no livro (que é censura máxima!), a todos na história foram acrescentados uns 4 anos, e Jon, assim, é retratado pelo Kit Harington, que é bem a descrição dele no livro - escuro, encaracolado, com um olhar que vai do marcante e profundo ao gatinho do Shrek. Eu prefiro essa versão mais velha dele, ficou ótima, vejam vcs mesmos:


quinta-feira, janeiro 12, 2012

Pego, Peço ou Passo




Esse meme é baseado no Pash, Pick or Pass da autraliana Belle, dona do Belle's Bookshelf. O objetivo desse meme é destacar três personagens de um livro/filme que serão encaixados nas três categorias título desse meme, e dizer porque. Enquanto eu estou de férias, e faço também o Meu Namorado No Livro, vou fazer também esse joguinho usando o livro comentado no meme já citado. Vou tentar não usar o Namorado escolhido anteriormente, mas se não houver outras opções no livro, infelizmente terei que repetir - como será o caso na estréia dessa semana.

Em MULHERZINHAS, de Louisa May Alcott, eu...

Pego: John Brooke. Homem de caráter, romântico, gentil. E quem nunca fantasiou em dar uns pegas num professor?
(Eric Stoltz no filme ficou meio aquém da minha imaginação)

Peço em Casamento: Claro, Lourenço. Esse é para casar mesmo.

 
(Christian Bale gracinha gracinha gracinha!)
Passo: Sr. Bhaer - tá, é professor também, mas é muito intelectual e velho para mim. Prefiro gente mais simples e nova!

(Gabriel Byrne ficou mais charmoso do que eu normalmente imagino esse personagem, mas ainda assim passo!)


quarta-feira, janeiro 11, 2012

My Book Boyfriend

# Meu Namorado no Livro! 


Achei esse Meme bem interessante e resolvi fazer. Para mim, que fico apaixonada, encantada, vidrada, e até subindo pelas paredes por conta de caras que não existem faz todo o sentido do mundo!
(Não que qualquer um deles seja melhor do que o meu namorado da vida real, lógico!)
Trata-se do seguinte:

Criado pela Missie, do The Unread Reader, esse meme propõe testar os personagens masculinos nos livros, pois afinal "Os homens nos livros são sempre melhores, certo?"


As REGRAS são as seguintes:

1) Nas quartas-feiras, faça um post sobre um cara ficional que fazem as suas pernas tremerem, seu coração bater mais rápido e você sentir aquele Big T ou ficar sonhando acordada... rs...

2) No seu post, inclua:
- a descrição do personagem e algumas de suas características;
- uma figura/foto de como você o imagina e;
- algumas citações dele que te fizeram derreter todinha (faça a referência do livro e página se possível)

3) Só pode ter um namorado por livro!

 Coloque o button do The Unread Reader no post, e ao postar, vá ao blog da Missie linkar o seu post no gadget que estará disponível lá nos post de quarta-feira. Forneça também um link para a introdução/explicação do meme. Não se esqueça de visitar os outros participantes do Meme!

4) Qualquer pessoa pode participar a qualquer tempo, e não é preciso fazer toda santa semana!

... ... ...

Então essa semana, para começar, o MEU NAMORADO NO LIVRO é o meu PRIMEIRO Book Boyfriend de todos:

Lourenço, de Mulherzinhas, da autora Louisa May Alcott. Esse foi um dos primeiros livros 'adultos' que eu li - senão "O" primeiro livro 'de verdade' (sem ser pro colégio) que eu li.

No original, Theodore Laurence, "Laurie" ou "Ted", para os íntimos, é o neto solitário e órfão do vizinho rico das protagonistas.  O Lourenço é um fofo: Cheio de imaginação, amigo das meninas, gosta de ler, é bem educado de estudo e de maneiras. Não tem um exemplo melhor de "good guy next door" e não tem como não se apaixonar - só a idiota da Jo March para dar um toco homérico no coitado! Eu nunca superei que eles não ficam juntos no livro! De aparência ele é bem comum: Claro com olhinho preto, cabelo cacheado preto, feições delicadas a príncipio no livro (pois é muito novo no começo da história) e mais masculinas pro final,  fica claro que ele ficou bem bonito mais velho.

 - Lourenço (Christian Bale) na versão do filme homônimo ao livro -
Eu o imagino exatamente assim como no filme, por anos ficava bolando uma imagem mental dele mas o Bale novinho assim é a melhor representação.

Não tenho nenhuma citação em particular para ele, não sou uma leitora que grava citações ou frases, não costumo sublinhar nem marcar nada nos livros. Mas eu gosto quando ele se declara para a Jo, ele diz que ela sempre foi a melhor amiga, a preferida e tal... Mas depois quando ele por fim se apaixona e casa com a irmã mais nova dela (depois de anos do toco) ele ainda assim diz para ela que no coração dele a posição dela nunca se alterará... aiai...




sexta-feira, janeiro 06, 2012

COMPRE, COMPRE, COMPRE!

... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ... Já diria o Sr. Bottini!

E eu comprei dois aparelhos mágicos, duas invenções miraculoras, dignas das Organizações Tabajara e do Polishop (inclusive uma delas vende no Polishop mesmo, rs, mas não foi lá que eu comprei)!


A primeira foi o CELLULISS, da Philco.



Essa máquininha é um barato! É um massageador corporal, mas o que faz de verdade é te "chupar" todinha, hauhahaha, porque essa é a sensação que dá, que ele vai te deixar com uma marca de chupão, hehe... O aparelho faz movimentos de pressão, que traz o sangue para a região sob a qual é aplicado e assim estimula a área, o que promete reduzir a celulite e melhorar a aparência da pele pela sucção do vácuo. Ele vem com três "bocas": uma pequena para braços, uma média para as pernas e bumbum pequeno e um grande para a barriga e bumbum grande, hehe. 

Para usar tem que passar óleo de massagem ou creme hidratante, e ir fazendo  movimentos circulares conforme vem dizendo no manual ou em vídeos no YouTube e o ele vai sugando a pele. Dá para escolher a intensidade da sucção, mas eu só consegui usar no fraco e médio, porque o forte é forte demais e a pele prende dentro da boca no troço, mas quando isso acontece é só apertar um botão de emergência que para o vácuo na hora. Eu uso a velocidade fraca bem devagarzinho na pele, numa primeira etapa, e depois aumento a intensidade para média e passo com mais velocidade.

Bom: Usa bateria e por não ter cabo é muito prático e a mobilidade dele é ótima. É fácil de usar.
Ruim: A boca pequenininha e a grande são meio "inúteis" para mim. E tem que usar MUITO creme para deslizar na pele - estilo Xuxa no comercial de Monange para mais.

Funciona? Creio que sim, pois o princípio dele é o mesmo da Endermoterapia, que eu já faço em clínica estética. Eu uso com creme hidratante, e o resultado é que a pele fica bem lisinha e hidratada logo após a 'sessão' - eu faço 10 minutos em cada perna e 5 na barriga. Acho que a longo prazo funciona bem!


A segunda foi o MANIPOL BODY.


 Ele é a versão "genérica" do quase homônimo da Polishop, o Sculptor Body. Se quiser ver a diferença entre os dois, tem esse vídeo aqui, feito pela loja onde eu comprei ele mesmo - apesar de ser uma loja desconhecida, o produto chegou direitinho e o atendimento foi bom, senti firmeza e recomendo. Ele é basicamente um "secador/furadeira" que vem com 4 discos de massagem. Um disco de rolete e um disco dentado para massagem modeladora, um disco ondulado para drenagem e um disco liso para massagens delicadas e de relaxamento. Também vem com uma tela protetora que encaixa por cima dos discos para o caso de massagens em regiões peludas.
 
Para usar basta ligar na tomada, colocar um dos 4 discos, ajustar a intensidade do giro orbital e ligar. Não precisa "espremer" junto à pele, é só por em contato que ele vai massagear e vibrar você todinha. Vibra até demais, eu não consigo usar na velocidade máxima porque vibra tanto o braço que segura o aparelho que até incomoda. Mas faz uma massagem boa mesmo. Não cansa nada e parece trabalhar mesmo a pele, mais profunda ou mais superficialmente de acordo com o nível do gito.

Bom: É muito fácul de usar, você não faz esforço nenhum, ele faz tudo. É muuuuito relaxante.
Ruim: Essa minha versão a marcação das velocidades não estão propriamente 'marcadas', e eu ainda me perco ajustando a velocidade certa para fazer igual em todas as partes do corpo. E tem que ficar preso na tomada, o fio tem um tamanho 'que poderia ser maior'.

Funciona? Olha, não sei se funciona para celulite mesmo, mas para relaxar é uma beleza! Rs! Eu acho Acho que dá um UP na massagem em casa, pois pelo menos euzinha não consigo fazer muita força na auto-massagem. Eu uso por uns 5 miutos numa vlocidade fraca e depois mais 5 numa mais forte em cada perna e na barriga também, e depois passo creme anti-celulite, e como esses cremes funcionam mesmo é com massagem, acho que esse aparelho é bem útil.



terça-feira, janeiro 03, 2012

Eu tinha esquecido...

Esquecido como é estar num lugar que você ama tanto...

Um lugar que você ama mais que tudo, mas sempre tenta se convencer que não é tanto assim...

Como é estar num lugar que te completa, um lugar ao qual você pertence, um lugar que de certa forma te pertence também.

Eu tinha esquecido como é correr nesse lugar.

Esse lugar que te dá vontade de correr.

De correr mais, mais rápido, mais longe...

É como se com o ar te preenchesse mais, te desse mais energia e oferecesse menos resitência...

É como se o chão fosse uma mola, te empurrando mais para frente...

É como se com um pouco mais de velocidade, você pudesse levantar vôo...

É MUITO BOM!

Feels like home to me...