domingo, abril 05, 2015

Four on Four


Todo dia 4 teremos nesse blog ums postagem que fará parte de uma proposta coletiva. 



Ops... Então porque você está postando dia 5, senhorita Juliana? 
É porque no dia 4 eu fiz muito mais de quatro coisas diferentes, então acabou que quando cheguei em casa, depois das dez, não deu tempo!

Mas enfim... Segue-se o DESAFIO 4 X 4: Quatro amigas postando quatro fotos sobre um mesmo tema no dia 4. O tema dessa vez é emagrecimento... tema que, há muito mais de quatro anos, nós viemos lutando.

Foto 1: Eu nunca fui magra. Quer dizer, quando eu era MUITO criança, eu fui. Mas eu era tão criança que eu não me lembro, então não vale. Mas eu sempre fui "aquela criança gordinha". No final da minha infância eu comecei o processo no qual eu sempre vivi: dieta de reeducação alimentar. Aos 11 anos eu comecei e não parei mais, ou seja: há 17 anos eu como menos do que eu gostaria, sinto fome e controlo, enfio o pé na jaca e me arrependo, e emagreço e engordo tanto que poderia tentar carreira de tocadora de sanfona. Na foto abaixo, o registro da primeira vez que eu "emagreci", do ano de 1998. Já não era mais criança obesa - que fui (mas não achei foto), mas era a gordinha de sempre.


Foto 2: Na minha adolescência eu continuei gordinha, mas cresci um pouquinho e melhorei. o que pesou mesmo foi que nessa época é que eu não tinha vaidade e me vestia que nem um menino, quando tentava sair de menina, o cabelo - na época mal tratado, atrapalhava. Continuava a garota gordinha da turma, com o corpo desengonçado, meio sem jeito. 


Foto 3: Depois veio uma época que eu toquei o foda-se total. Engordei e desisti "desse negócio de dieta", revoltei contra a "sociedade maligna machista que te obriga a seguir um padrão inalcançável". No final da minha adolescência/ early 20s, eu só queria saber se comer e era bem sedentária, e quem quisesse que gostasse de mim como eu era. Coitada de mim, nem eu na verdade gostava de mim como eu era.


Foto 4: E como nem eu mesma gostava de mim como eu era, decidi que não queria mais ser "apenas uma cabeça", e sim ter um corpinho gostoso. Nessa época (2008) eu descobri a corrida. A corrida mudou a minha vida. Depois dela eu comecei a emagrecer, e conheci outros prazeres além de comer. Eu nunca estive tão magra quanto na foto abaixo, em 08, com 58kg - que é o meu objetivo hoje (estou com 62kg). 



Então é isso. Eu e minhas amigas Luana, Mere e Micha estamos nessa luta juntas. E vamos vencer!

4 comentários:

Lucimere disse...

Ai, ai... que linda desde sempre. bjos

Micha Descontrolada disse...

Ju, achei linda em todas as fotos. E seu caso se assemelha ao meu ao dizer q emagreceu e posar ao lado de uma irmã super magra, como as nossas sempre foram. Aff!!! Podia emagrecer horrores q sempre me achava gorda. E detalhe: com ela comendo tdo qto é esteira em mantendo o corpitcho lindo. UI!!!

Beijossssssss
┌──»ʍi૮ђα ツ

Luana disse...

Ju, vc é um exemplo pra mim. :)
um dia voltarei a correr e quem sabe, vou te acompanhar novamente.
Beijocas
Te adoro

Anônimo disse...

vai trintar esse ano, emmmmmm! esses dias escrevendo a regra dos 15 e tendo 25 anos! feliz aniversario 30! uhul